domingo, maio 27, 2007

Convento da Vila - Portugal

Alentejo, 2004.
Tinto, Trincadeira, Aragonez e Castelão.

Um vinho claro, grená com levíssimos toques violáceos na borda. Aroma vínico pouco pronunciado. Um vinho muito leve, com pouco corpo, pouca acidez, taninos macios, pouca persistência. Um vinho comum, sem muita personalidade, mas agradável, e com um ótimo custo benefício. Pagamos uns R$ 13 na SuperAdega (Brasília).

Este vinho me lembrou a descrição do antigo clarette, vinho francês da região da Gasconha que era muito exportado no século XVIII como uma opção mais barata e de menor qualidade em relação ao Bordeaux. O Clarette é descrito como um vinho claro, de pouco corpo, simples e "meio aguado". É interessante constatar que o Borgonha era um vinho para consumo interno na França, ao passo que o Bordeaux sempre foi um vinho para exportação.

Bem, vou aqui dizer sobre minha preferência pessoal, claro, com algum preconceito, que todos nós temos... melhor ter preconceitos com os sabores do que preconceitos de outra natureza... O Bordeaux era um vinho que agradava ao paladar inglês, que diga-se de passagem, nunca foram bons entendedores de vinho, e já o Borgonha sempre foi apreciado pelos franceses, que sempre foram ótimos entendedores de vinho. Isso quer dizer que o Borgonha ficava na França por ser o melhor vinho, e o Bordeaux, um vinho forte e e concentrado, bem ao gosto dos bretões, era exportado em grandes quantidades.

No entanto na história o Bordeaux acabou ficando muito mais famosos que os Borgonhas, uma vez que tinha o reconhecimento "internacional", e hoje é sempre considerado pelo senso comum como o "melhor vinho do mundo", mas esta foi uma "tradição inventada" pelos importadores ingleses muito mais pelo seu próprio gosto do que pela qualidade do vinho em sí.

Bem, para concluir, sempre achei o Borgonha superior ao Bordeaux, desde quando tomei os primeiros vinhos, e continuo achando hoje. Sem desprezar a qualidade do Bordeaux, rico em aromas, mas elogiando a delicadeza e elegância dos Borgonhas, que superam todos os vinhos do mundo em tudo.

13 comentários:

Vinho para Todos disse...

Confrades, por indicação do amigo Eduardo Lima, do Pisando em Uvas, o vinho deste mês é CASILLERO DEL DIABLO CARMENÈRE 2005.
Postagens para 1º de julho.
Saúde!!!

Anônimo disse...

caros...

cadê vc? sumiram?
já estamos com saudades dos posts bem humorados e deliciosos sobre os vinhos.voltem logo!

Abs!
Alexandre

rafael disse...

bastante controversa a sua comparação dos bordeaux com os borgogna. Eu gosto dos dois... Mas já tomei um bordeaux que está entre os melhores que já tomei na vida...

Passaram uma temporada em BsB? da proxima vez me avisem que a gente toma uns vinhos juntos...

Vinho para Todos disse...

Confrades, fizemos a seguinte indicação para o vinho de SETEMBRO da Confraria Brasileira de Enoblogs: CREMASCHI FURLOTTI RESERVA PINOT NOIR 2006.

Contamos com vocês.

Postagens em 1º de outubro.

Colheita de Vinhos disse...

Confrades, a indicação para o 10º vinho da "Confraria Brasileira de Enoblogs" é o Trivento Reserve Syrah / Malbec 2005 para postagem em 1º de Novembro.

Saúde!

Colheita de Vinhos disse...

Olá Confrade!
Uma correção. O comentário para o 10º vinho será para 1º de Dezembro.

Abraço.

Reinak disse...

324234

ABernarde disse...

Sua comparacao esta cheia de erros, principalmente historicos.
Os Borgonha sempre foram mais consumidos na Franca porque a Borgonha fica proxima dos grandes centros populacionais e por esse mesmo motivo os Bordeaux sempre foram mais exportados porque ficam longe dos grandes centros e ficam numa regiao portuaria. Logo, por varios seculos vinhos de Bordeaux e vinhos do Porto foram exportados para o Reino Unido pela facilidade do porto. Bordeaux ja foi inclusive parte da Inglaterra durante o sec. XII com o casamento da Duquesa de Aquitane com Norman Plantagenet, herdeiro do trono ingles. Ve-se que Bordeaux sempre teve fortes laços com o Reino Unido e a exportacao de vinhos de Bordeaux nao tem nada a ver com a qualidade do mesmo.
Seu proximo erro foi comentar que os ingleses nao entendem de vinho, ate hoje. Os mais sofisticados mercados de vinho do mundo sempre foram e ainda sao ingleses, assim como os mais conhecidos criticos de vinho sao tambem ingleses.
O Bordeaux ficou mais conhecido no exterior porque tem uma producao 3 vezes maior que a Borgonha. Em média, a qualidade dos vinhos de Bordeaux é bem superior aos da Borgonha, que tem os melhores e muitos, muitos mesmo, dos piores vinhos da franca. O mais importante mesmo é notar que os vinhos tomados as mais de um seculo atras nao tem absolutamente nada a ver com o que se toma hoje, seja em Bordeaux, seja na Borognha, na Italia,....

Diego disse...

Comecei a participar da "Confraria Brasileira de Enoblogs" no último mês de 2007. Logo no inicio de 2008, recebi o convite de Vinho para Todos de indicar o vinho para este mês de Janeiro. Para a data, proponho o último domingo do mês, dia 27. O vinho que indico, devido ao clima quente que tem feito nos últimos dias, o Finca La Linda Rosé of Malbec 2006.
Um vinho rosé que vem sendo muito vendido no restaurante em que eu trabalho e ainda não o experimentei mas acredito ser um bom. Já aviso a todos que é comum a rolha quebrar no meio ao extrai-la... o porque não sei, mas não se assustem, o restante dela sai facilmente.
Abraços a todos, espero que gostem da sugestão para o mês. Saúde! E desculpem o Ctrl C / Ctrl V.

Lift Consulting disse...

Bom dia, aqui na Lift trabalhamos alguns clientes do sector do vinho. Gostariamos de lhe poder enviar informação. Contudo não encontramos endereço de email. Será que nos poderia enviar para joao.barbosa@lift.com.pt

Gourmandise disse...

Olá!
Meu nome é Nina Moori do blog Gourmandise.
Começamos a participar da "Confraria Confraria Brasileira de Enoblogs".
Este mês temos a responsabilidade de indicar o vinho a ser degustado (décimo sexto).
A nossa sugestão é o "Porto White Comenda" que custa R$35,47 no Pão de Açúcar de São Paulo.
Qualquer dúvida, meu e-mail é ninocamori@hotmail.com
abs,
Nina.

Vinho para Todos disse...

Caros Confrades,

o vinho do mês de junho (postagem no dia 1º) já foi escolhido pelo Gourmandise: Porto White Comenda.

Pelo rodízio, cabe a mim a escolha do vinho de julho (postagem em 1º/7). Para que todos possam encontrá-lo com mais facilidade, quero indicar desde logo o SANTA HELENA VERNUS 2004. É um corte de CS + Merlot + Carmenere, que pode ser encontrado no Carrefour, em torno dos $35.

Saúde!!

Anônimo disse...

Olá, gostei muito do seu blog e gostaria de saber se voce tem interesse em fazermos uma troca de links, eu coloco um link seu no meu blog e voce coloca um link meu no seu blog.

Se interessar entre em contato.

www.otanino.blogspot.com

Abraço

Jean